Queda de cabelo - Saiba como pode evitar desperdiçar mais tempo e dinheiro!

Queda de cabelo - Saiba como pode evitar desperdiçar mais tempo e dinheiro!

O aumento da queda de cabelo é um problema que afeta a maioria dos homens em Portugal. Para alguns, a excessiva queda de cabelo começa logo aos 18 anos, ou até antes. A tentação pela procura de soluções milagrosas que não resolverão o problema é grande e como consequência poderá levar a um aumento da frustração por falta de resultados. Não seria ótimo se você soubesse exatamente por onde começar e assim evitar desperdiçar o seu tempo e dinheiro com supostas “soluções” que não o levaram a lado nenhum?

Queda de cabelo

As consequências psicológicas da queda de cabelo

As consequências psicológicas resultantes do excesso da queda de cabelo não devem ser subestimadas. É comum, nas pessoas afetadas por este problema, que percam a sua autoestima e confiança para interagir socialmente. A forma como nos sentimos quando nos olhamos ao espelho pela manha, é fundamental para que possamos encarar os desafios que o dia nos reserva. Podemos mudar as nossas roupas, os sapatos e o relógio mas o que realmente importa é como nos sentimos com nós próprios. O desgaste emocional, na maioria dos casos, surge logo após os primeiros sinais visíveis da perda de cabelo. O stress e a preocupação de tentar descobrir o que você deve ou não fazer para deter ou diminuir a queda de cabelo pode aumentar ainda mais o seu stress, o que, por sua vez, pode agravar ainda mais a sua queda capilar. Quando isto acontece a única maneira de ultrapassar este problema é encontrar uma solução.

Cuidado com os produtos “milagrosos” para travar a queda de cabelo

A oferta de produtos “milagrosos” no mercado é abundante, e apesar de a maioria desses produtos não representarem um perigo para quem os utiliza, estes não resolverão o seu problema de queda de cabelo. Ou seja, você estará a desperdiçar o seu tempo e dinheiro.

Existem atualmente tratamentos médicos eficazes na prevenção e tratamento da alopecia, sendo possível em muitos casos reverter ou atrasar a progressão. É importante ser observado e tratado por um médico especialista pois estes tratamentos dependem de um correto diagnóstico e feitos “ à medida” de cada paciente.

Entenda os ricos… não confie o seu cabelo a qualquer pessoa...

O Transplante Capilar é a única solução para recuperar o cabelo perdido e tal como qualquer cirurgia pode ser arriscado. Nas mãos certas, os riscos são mínimos, contudo existem no mercado várias clínicas que continuam a recorrer a profissionais não habilitados tecnicamente para executar um transplante capilar. Existem vários fatores que influenciarão o seu resultado final e é necessário ter isso em conta quando criamos as nossas expetativas (saiba quais são os principais aspetos a ter em conta). É importante ter em mente que o transplante capilar não resolve o problema da queda de cabelo, por isso, em algum momento, talvez seja necessário realizar outro de forma a obter um resultado estético harmonioso ao longo da vida.

Se está a equacionar fazer um transplante capilar, tenha atenção a estes pontos:

  • Não se apresse! Aproveite o tempo para aprender e entender. Compare clínicas por reputação e serviços específicos oferecidos.
  • Questione qual a técnica que vai ser utilizada no procedimento, bem como a formação e experiencia do médico.
  • Procure testemunhos de ex-pacientes, se possível tente falar diretamente com eles para que possa compreender melhor o procedimento que irá passar.
  •  Não avance para o transplante capilar sem antes realizar uma avaliação capilar e perceber qual a solução mais indicada para o seu caso.
  • Não se esqueça que a sua zona dadora é limitada e que recorrer a técnicas invasivas e agressivas, como a FUT que deixa cicatrizes na zona dadora comprometendo futuros transplantes capilares.

Convidamos-lhe a realizar um diagnóstico capilar gratuito e sem compromisso na DHI Portugal.