Questões frequentes sobre Transplante Capilar

Questões frequentes sobre Transplante Capilar

Saiba quais as questões mais frequentes sobre a realização de um Transplante Capilar.

 QUESTOES_FREQUENTES_TRANSPLANTE_CAPILAR
 

1. O Transplante Capilar é um procedimento seguro?

Hoje, com técnicas modernas como a Técnica de Transplante Capilar Direct, da DHI, o transplante de cabelo é um procedimento muito seguro, minimalista que pode ser concluído em poucas horas e com resultados permanentes. Mas é importante que este seja realizado por médicos treinados, seguindo protocolos rigorosos, como consulta prévia à sessão e, no caso de se verificar necessário sejam efetuados exames médicos de forma a garantir que o individuo é candidato a um Transplante Capilar sem qualquer inconveniente ou contra indicação.


2. Que médicos realizam Transplantes Capilares em Portugal?

Hoje em dia, em Portugal, existem médicos homeopáticos, dentistas e até mesmo técnicos de enfermagem que realizam sessões de Transplante Capilar, não obstante ser considerado pela Ordem dos Médicos um ato médico. Para sua máxima segurança na DHI, todos os procedimentos são realizados exclusivamente por Médicos certificados.


3. Os médicos são treinados e certificados de forma adequada?

O Transplante de cabelo não é ensinado em qualquer uma das faculdades de medicina em todo o mundo. Na maioria dos casos, os médicos de outras clínicas aprendem com outros médicos no trabalho, sem treinamento adequado, avaliação ou certificação, comprometendo assim a segurança e os resultados do paciente. Na DHI, cada médico é extensivamente treinado e certificado pela London Hair Restoration Academy – única escola para equipas médicas na área do restauro capilar no Mundo.


4. Como podemos medir os Resultados do Transplante Capilar?

Várias pesquisas mostram que em média apenas 1 em cada 2 folículos implantados crescem em clínicas sem resultados verificáveis.
A DHI garante 100% de crescimento do cabelo implantado usando protocolos e instrumentos de qualidade internacional. Um terço dos pacientes da DHI são pacientes que vêm de outras clinicas, com resultados insatisfatórios e com zonas dadoras pobres.


5. Porque é que algumas das clínicas vendem o Transplante Capilar a preços muito baratos?

Normalmente as clínicas que oferecem transplantes de cabelo baratos têm técnicas mais invasivas, médicos não qualificados e usam instrumentos baratos que podem ser reutilizados em vários pacientes, comprometendo a segurança, aumentando o risco de eventual contágio e causando cicatrizes.

Na DHI Portugal a técnica utilizada é exclusiva e a mais avançada do mercado, os instrumentos são importados da DHI Global Medical Group e destruídos após cada sessão, de forma a garantir a inexistência de cicatrizes ou danos.


6. Qual é a importância do teste de diagnóstico /alopecia?

Existem 10 tipos de alopecia e o paciente pode sofrer de um destes tipos de alopecia, podendo tratar- se de uma alopecia não indicada para a realização de um Transplante Capilar. Um tratamento correto da alopecia requer, desde o início, um diagnóstico adequado. Infelizmente, a maioria das clínicas faz transplantes de cabelo sem um diagnóstico adequado. Na DHI com o Diagnostic System for Alopecia (DSA) necessitamos de um exame dermatológico, analisar os aspetos psicológicos, realizar a contagem matemática dos cabelos que precisa de doar, área a implantar e realização de teste de alopecia computadorizado. Isso resulta num plano de tratamento adequado para garantir os melhores resultados em cada caso de alopecia.


A Equipa da DHI está disponível para esclarecer todas as suas dúvidas, por favor entre em contacto connosco!